sexta-feira, 19 de junho de 2009

Cada um tem a reputação que merece ?

Oi, meu nome é Natacha. Sou prima da dona desse blog. Ela anda meio sem tempo, pois está estudando muito (não que eu não esteje rs) e pediu para que eu atualizasse aqui também para que o blog não fique muito tempo abandonado. É meu primeiro post e para ser sincera, não sei se levo muito jeito para essas coisas, mas resolvi tentar .. tudo na vida tem a sua primeira vez e a minha acabou de começar :)
.
.
.
Essa história toda sobre reputação, rótulos, apelidinhos sem graças ou até mesmo os engraçados valem a pena quando machucam uma pessoa? Hoje em dia, o que mais vemos por ae são pessoas não mais sendo chamadas por seus nomes , mas sim por um rótulo que a colocaram por alguma coisa que fez, deixou de fazer ou até mesmo por causa da sua aparência. A Particinha, a Bagunceira, a Gordinha, a Gostosa, a Galinha ... quem de nós nunca foi rotulada assim um dia? Não discordo que algumas vezes as pessoas fazem por merecer a reputação que têm, mas e quando você discorda totalmente da SUA reputação? Será que é desse jeito mesmo que as pessoas te veem? O ponto da questão é: será que está todo mundo tendo uma visão distorcida de mim? A resposta para essa pergunta é simples: NÃO ! Não é "todo mundo" que te enxerga dessa maneira, mas sim, na maioria das vezes, uma única pessoa que decide espalhar a sua opinião a todos os demais, e pronto! você acaba de ganhar a sua reputação. Reputação que quase sempre vai ser arrastada com você por um bom tempo, você gostando ou não dela. Mas fique tranquilo, sua reputação não vai durar para o resto de sua vida, isso é apenas mais uma dessas manias que os adolescentes têm de se mostrarem superiores a outros, mas será que são mesmo? Será que vale a pena fazer as pessoas se sentirem tristes, abatidas, para que você se sinta superior? Aí já cabe a cada um responder... E vai caber a apenas você decidir se entra ou não em mais uma dessas "ondas" onde rótulos são distribuídos por coisas que nem sempre fazem sentido e machucam pessoas que não querem nada mais do que viver, sendo apenas elas mesmas...

Um comentário:

gabriela rohde ♪ disse...

oi cat, só vim te avisar que ganhaste mais um selo no meu blog (:
Beijos